Hino da Campanha da Fraternidade 2018

Letra: Frei Zilmar Augusto, OFM

Música: Pe. Wallison Rodrigues

Hino da CF-2018

01 – Neste tempo quaresmal, ó Deus da vida,

A tua Igreja se propõe a superar.

A violência que está nas mãos do mundo,

E sai do íntimo de quem não sabe amar. (Mc 7,21)

Refrão: Fraternidade é superar a violência! (Mt 14, 1-12)

É derramar, em vez de sangue, mais perdão! (Jo 20, 21-23)

É fermentar na humanidade o amor fraterno! (Mt 13, 33)

Pois Jesus disse que “somos todos irmãos”. (Mt 23,8) (2x)

02 – Quem plantar a paz e o bem pelo caminho,

E cultivá-los com carinho e proteção,

Não mais verá a violência em sua terra. (Is 59,6)

Levar a paz é compromisso do cristão! (Ef 6, 15)

03 – A exclusão que leva à morte tanta gente, (EG 59)

Corrompe vidas e destrói a criação. (LS 70)

– “Basta de guerra e violência, ó Deus clemente!” (Mq 2,2)

É o clamor dos filhos teus em oração.

04 – Venha a nós, Senhor, teu Reino de justiça,

Pleno de paz, de harmonia e unidade. (Mt 6, 10 e Rm 15, 17-19)

Sonhamos ver um novo céu e uma nova terra: Todos na roda da feliz fraternidade. (Ap 21, 1-7)

05 – Tua Igreja tem o coração aberto, (EG 46-49)

E nos ensina o amor a cada irmão.

Em Jesus Cristo, acolhe, ama e perdoa,

Quem fez o mal, caiu em si, e quer perdão. (Mt 18, 21)

Campanha da Fraternidade

Todos os anos, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil apresenta a Campanha da Fraternidade como caminho de conversão quaresmal. Um caminho pessoal, comunitário e social que visibilize a salvação paterna de Deus. Para 2018, o objetivo geral da CF é construir a fraternidade, promovendo a cultura da paz, da reconciliação e da justiça, à luz da Palavra de Deus, como caminho de superação da violência.

Outros materiais, músicas católicas, mp3, cifras e partituras.

Acesse: https://portalkairos.org

Posts relacionados

Hino oficial da 26ª AGE

Há um apelo ecoando pela Igreja: “Novo sentido” [ressignificação] em caminho sinodal: Dialogar e cultivar a esperança, Profetizar a ecologia integral.   O Coração Divino

Leia mais »