Rasgar o coração

“Rasgar o coração”!
É a interpelação da Palavra de Deus,
para este tempo quaresmal,
no qual somos convocadas/os
à conversão do coração.

Rasgar o coração,
significa quebrar as cadeias,
romper a prisão, os vínculos
que nos aprisionam ao mal,
que nos seduzem e induzem a um caminho fácil,
ilusório, provisório.

Rasgar o coração,
constitui a busca do que é duradouro;
garimpar no tesouro interior,
reavivar o amor puro e verdadeiro
e avançar para ser íntegro, inteiro.
Rasgar o coração e não somente as vestes,
é libertar -se das aparências, das exterioridades,
para mergulhar na profundidade da alma,
de onde brota o diálogo sincero,
respeitoso e acolhedor,
que nasce do compromisso amoroso e inter-religioso.

Rasgar o coração para acolher, valorizar
e apreciar as diferenças e diversidades,
que enriquecem e enaltecem o ser humano,
em qualquer idade e o liberta da vaidade.

Rasgar o coração para receber as cinzas,
que nos recordam que somos pó, poeira;
nenhuma pessoa é totalmente inteira, completa, acabada.
Todos somos barro com sopro vital divino.
Estamos sempre a caminho,
em constante modelação e aprimoramento,
nas mãos do Criador, Deus Uno e Trino, Pai Mãe,
compassivo e misericordioso.

Irmã Maria de Fátima Kapp, ssps
Brasília, 17 de fevereiro de 2021, quarta feira de cinzas!

Baixe o PDF aqui.

Posts relacionados

Órfãos da vacina

Impossível não amargar um sentimento de abandono, impotência e orfandade diante do atual processo de vacinação contra a Covid-19. No Brasil, em maior ou menor

Leia mais »