Por Rosinha Martins| 03.01.14| Por ocasião do dia mundial da paz celebrado no dia 1 de janeiro, o Papa Francisco em sua mensagem, chamou a atenção para a fraternidade e a paz tão necessárias no mundo moderno. Para Francisco, fraternidade é sinônimo de paz. “Com efeito, no coração de cada homem e mulher habita o anseio de uma vida plena que contém uma aspiração irreprimível de fraternidade, impelindo à comunhão com os outros, em quem não encontramos inimigos ou concorrentes, mas irmãos que devemos acolher e abraçar”, escreve Francisco em sua mensagem.

O mundo das novas tecnologias de comunicação que favorecem um conexão global entre os seres humanos favorece, segundo Francisco a consciência da unidade. “O  número sempre crescente de ligações e comunicações que envolvem o nosso planeta torna mais palpável a consciência da unidade e partilha de um destino comum entre as nações da terra”. Ainda de acordo com o papa esta unidade “é muitas vezes contrastada e negada nos factos, num mundo caracterizado pela ‘globalização da indiferença’ que lentamente nos faz ‘habituar’ ao sofrimento alheio, fechando-nos em nós mesmos”, afirma.

Francisco ,  em sua mensagem , chama  a atenção para a não observância dos direitos do homem  visibilizado no tráfico de pessoas, nas guerras , nos campos econômicos e financeiro. “Em muitas partes do mundo, parece não conhecer tréguas a grave lesão dos direitos humanos. Exemplo preocupante disso mesmo é o dramático fenômeno do tráfico de seres humanos, sobre cuja vida e desespero especulam pessoas sem escrúpulos. Às guerras feitas de confrontos armados juntam-se guerras menos visíveis, mas não menos cruéis, que se combatem nos campos econômico e financeiro com meios igualmente demolidores de vidas, de famílias, de empresas”, relata.

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?