Papa conclui sua 16ª viagem internacional no Azerbaijão

O Papa Francisco chegou à Baku, capital do Azerbaijão, na manhã do domingo, 2 de outubro, para cumprir a última etapa de sua 16ª Viagem Apostólica internacional.

Se na Geórgia a visita teve um caráter mais ecumênico, no Azerbaijão, de onde o Papa partirá ainda este domingo, a visita – que tem por lema “Somos todos irmãos” – será marcada pelo diálogo inter-religioso.

O Airbus da Alitália aterrissou no Aeroporto Internacional Guidar Alíev às 9h30min locais, sendo o Pontífice recebido pelo Vice-Primeiro Ministro Yarub Eyubov. O Núncio Apostólico no Azerbaijão Dom Marek Solczynski, também Núncio na Geórgia e Armênia, estava no voo vindo de Tbilisi.

Houve uma breve cerimônia de boas-vindas, somente com a apresentação da Guarda de Honra, sem que fossem entoados hinos ou proferidos discursos.

Do Aeroporto, Francisco seguiu para a Igreja da Imaculada, distante 23 km, para presidir uma Santa Missa para centenas de fieis.

O Papa João Paulo II já havia realizado uma breve viagem apostólica à cidade de Baku entre 22 e 23 de maio de 2002. O centro histórico da cidade está dentro de uma antiga fortaleza, sendo declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco no ano 2000.

A realidade católica no país é pequena: os católicos são 560, existe uma só paróquia, 7 sacerdotes religiosos, 10 religiosos, 5 religiosas professas, 1 seminarista cursando teologia, 1 Instituto de educação e 1 de beneficência Foram 14 os batizados no último ano. A pequena comunidade dos salesianos, que representa todo o clero do país, é formada por seis sacerdotes, três Irmãos e um jovem  em formação para tornar-se diácono.

94,8% da população de 9,5 milhões de habitantes é de religião muçulmana. Os cristãos representam 3,5% da população, sendo a maioria ortodoxa.

Às 19 horas do domingo (horário local), o Papa retornou a Roma.

Fonte: www.news.va

Posts relacionados