Portal

Conferência dos Religiosos do Brasil marca presença em encontro Internacional para Preparativos do Jubileu da Vida Consagrada

Compartilhe nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Presidente da CRB Nacional, Irmã Eliane Cordeiro e o 1º Vice-Presidente, Frei Clézio Menezes com o Prefeito do Dicastério para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica, Dom João Braz de Aviz

No último domingo, 04/02, a Presidente da CRB Nacional, Irmã Eliane Cordeiro e o 1º Vice-Presidente, Frei Clézio Menezes, membro da Diretoria da Conferência dos Religiosos do Brasil, concluíram, em Roma, na Itália, os preparativos para o Jubileu de 2025. O encontro teve início em 1º de fevereiro e contou com a participação de mais de 300 representantes da Vida Consagrada de 60 países que se preparam para o Ano Santo de 2025.

Os consagrados do Brasil serão responsáveis por organizar um percurso celebrativo do Jubileu Nacional dos Consagrados, marcado para o mesmo dia, coincidindo com o Dia Mundial da Vida Consagrada. Com o tema “Peregrinos da esperança, no caminho da paz”, o Jubileu da Vida Consagrada está agendado para os dias 8 e 9 de outubro do próximo ano, na cidade de Roma. Entre os representantes do Brasil, também estiveram presentes Moema Rodrigues Muricy, presidente da Conferência dos Institutos Seculares do Brasil (CNISB) e a Maria Augusta de Oliveira, representante da Ordo Virginum (Ordem das Virgens Consagradas).

A próxima fase envolve a celebração do Jubileu nos respectivos países, programada para 2 de fevereiro de 2025.  A preparação para esse importante evento começou em 2023, por meio de reuniões on-line entre representantes das diferentes formas de Vida Consagrada e reuniões da Comissão criada para organizar a agenda e os preparativos para os dias do Jubileu.

O jubileu é um evento de grande significado espiritual, social e eclesial, um momento importante em que o povo pede para experimentar o perdão e a misericórdia de Deus. Ao longo da história da Igreja, os jubileus foram marcos importantes em sua jornada eclesial. Consagradas e consagrados também são chamados a ser testemunhas e profetas da esperança e da paz, particularmente por ocasião do próximo Jubileu.

Respondendo ao apelo do Papa Francisco de criar, através do caminho jubilar, um clima de esperança e confiança como sinal de renascimento que toda a humanidade precisa, a vida consagrada quer refletir sobre a grande necessidade de paz, uma urgência do nosso tempo.

« de 13 »

Publicações recentes