Ajuri: tempo de ser e de se encantar

AJURI: TEMPO DE SER E DE ENCANTAR

um projeto conjunto com as Regionais de Porto Velho/RO, Belém/PA e Manaus e Roraima/ AM

 

O Ajuri ( fazer juntos- construir em mutirão) acontece em 2 etapas presenciais. A primeira  etapa aconteceu em julho de 2022. A segunda etapa acontece entre os dias  9 a 28 de janeiro de 2023.  São  20 dias de intensa  imersão na história pessoal, congregacional,  antropológica e teológico a partir do olhar amazônico com foco na cultura mística. 

Tem por objetivo propiciar às religiosas/os e presbíteros diocesanos um processo de formação que os leve a aprofundar o seu olhar para si mesmo e o seu lugar de missão, enquanto formadora/formador das novas gerações para a vida da Igreja. 

Os participantes com a contribuição dos assessores estão se permitindo confrontar o processo de acompanhamento, do cuidado e do compromisso com projeto de vida pessoal.  O AJURI é um espaço de formação e preparação das novas lideranças na Vida Religiosa Consagrada.  A palavra Ajuri vem da língua indígena guarani, feita em mutirão. Esta é uma linda experiência! o de construir em mutirão, de forma sinodal, onde as diferenças não são obstáculos, mas elementos de crescimento e comunhão.

A primeira etapa foi um sucesso. Um verdadeiro Kairós na vida dos que participaram e com extrema  relevância sugerindo abertura para outros grupos de  religiosos.

No período do encontro,  os participantes, têm acompanhamentos: humano- espiritual, cuidado por meio das práticas integrativas como acupuntura, quiropraxia, massagem terapêutica e outros instrumentos que contribuem para integração e revitalização física, humana e espiritual. O convite é fazer um processo integrativo partindo do olhar sistêmico fenomenológico. 

 

Ir. Maria Couto

Coordenação Regional AM/RR

 

A seguir confira os depoimentos dos participantes:

  • Ajuri pra mim está sendo um reencontro […]  A missão é grande e desafiadora. Precisamos cada vez mais nos cuidar, aprofundar nosso ser, fortalecer nosso espírito missionário e assumir os clamores dos não amados/as.
  • O Ajuri para mim é um encontro entre Deus, as pessoas, a natureza e o meu interior. É um encontro da Verdade e o Amor.
  • Tempo de contemplar os passos e ressignificá-los. Encontrando-se ao longo do caminho e com calor acolher o caminho do outro.
  • Ajuri é tempo de ter um olhar profundo para nós mesmos. Dar espaço significativo para Deus em nossas vidas e para o outro a oportunidade de crescermos juntos.
  • O Ajuri pra mim está sendo tempo de vivências, convivência e encontro conosco, com o eu e com Deus.

 

Posts relacionados

Escola Vocacional 2023

Aconteceu de 23 a 28 de janeiro de 2023 a Escola Vocacional em Brasília promovida pelo Instituto dos Irmãos Maristas em parceria com CRB Nacional

Leia mais »