Religiosos do Espírito Santo se manifestam sobre tragédia em Minas Gerais

“Sabemos que toda a natureza criada geme até agora, como em dores de parto (…) Da mesma forma o Espírito nos ajuda, pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis” (Rm 8, 22;26).

Queridos irmãos e irmãs Religiosos/as da CRB-Regional Vitória-ES,

Vivemos tempos difíceis em nossa Regional “gemendo” junto com a natureza e com o povo de Deus que foi violentamente atingido pelo rompimento da Barragem de Rejeitos na cidade de Mariana-MG, no dia 05 de novembro. Esse grande mar de lama chega em nosso Estado deixando milhares de pessoas sem água, bem tão necessário para as nossas necessidades básicas.

É triste a constatação que fazemos de como o ser humano, principalmente os mais poderosos, em busca de acúmulos e dinheiro, vem degradando a criação boa de Deus. Não é possível mais que continuemos a agir dessa maneira, obrigando a natureza a dar aquilo que ela não tem mais condição de dar. Quando essa exploração vem então de grandes empresas, como a Vale, fica mais evidente ainda a nossa indignação.

Mesmo diante dos fatos que apontam a responsabilidade total da dita empresa, percebemos que a mesma não tem feito esforços suficientes para ajudar o povo de Deus que vive da água deste nosso Rio Doce. Seus esforços são mínimos e não estão prestando a ajuda necessária para diminuir o máximo possível o sofrimento dos atingidos pelo desastre. Percebemos que a velocidade e o interesse que a Vale tem em explorar o minério não é a mesma para socorrer às vítimas.

Como religiosos/as não podemos ficar somente a assistir os noticiários diários, principalmente quando esse tipo de tragédia acontece bem perto de nós. Nem podemos esperar que a justiça lenta deste país obrigue a culpada Vale a pagar pelo estrago que fez. Neste Ano da Vida Consagrada, pedimos que cada um, cada uma, exerça a profecia da Vida Religiosa com alguma ação em favor dos que mais sofrem com isso: o povo capixaba das cidades atingidas. Vale ainda ressaltar que qualquer ação, por menor que ela possa parecer, já é uma grande ação.

Enquanto CRB Regional, conclamamos a todos e todas a unirmo-nos em ações e orações. Organize-se com sua comunidade religiosa ou sua comunidade paroquial. Nesse momento, os moradores das cidades atingidas pela lama necessitam de água. Isso é urgente. Cada litro d´água será para eles como uma fonte a jorrar no deserto. Peça, junte e envie os galões de água às cidades atingidas.

Junto a isso outras duas ações são importantes: orar e vigiar. Orar para que os estragos sejam amenizados e as pessoas não passem falta de água. E vigiar para que a empresa responsável não fique impune.

Façamos tudo isso na alegria que vem da esperança, pois “onde há religiosos, há alegria”.

Abraços fraternos,

Ir. Luselena, Pe. Humberto e Ir. Thereza

Diretoria da CRB-Regional Vitoria-ES

Posts relacionados

É Advento!

É Advento! Tempo de caminhar na esperança! Tempo de esperançar! Tempo de estar vigilantes e atentos aos sinais dos tempos! Atentos aos sinais de que

Leia mais »