PESA – Projeto de Evangelização Solidária na Amazônia

O QUE É O PESA?

O Plano de Evangelização Solidária na Amazônia

É uma iniciativa da CRB Nacional em conjunto com as Congregações e Institutos de Vida Apostólica, no intuito de animar, formar, enviar e acompanhar a VR em suas iniciativas no âmbito da Intercongregacionalidade em diversas frentes entre as populações mais excluídas e menos atendidas da Amazônia e outros espaços de fronteiras, sempre em comunhão com a Igreja local e seus pastores.

A Vida Consagrada tem um papel específico na evangelização. É chamada a despertar novamente seu papel profético de se “dedicar totalmente à missão”, deixando-se interpelar pela Palavra e pelos sinais dos tempos, redescobrindo sua identidade na força do testemunho e no valor da irmandade universal, abrindo caminhos para novos projetos históricos de presença e de ação missionárias (cf. VC 51, 72, 76, 78 e 81).

A Conferência dos Religiosos do Brasil, há anos vem convocando e animando toda a VR a ouvir, com renovada atenção, o apelo que vem da Amazônia na voz de seus pastores e no clamor de quem ali vive.

De acordo com a interpelação do horizonte e as prioridades 1 e 4 assumidas na última Assembléia Geral para esse triênio, o PESA quer continuar sendo uma proposta, de animação , compromisso missionário e AVANÇO na Intercongregacionalidade da Vida Religiosa do Brasil.
De acordo com nosso horizonte, e o momento histórico somos desafiadas/os a assumir o jeito itinerante de Jesus Cristo e da Igreja Primitiva de realizar a missão: Jesus que andava por cidades e povoados anunciando a Boa Notícia do Reino de Deus, junto com os discípulos e as mulheres que iam com Ele. (Lc 8,1).

Comunidades de missão compartilhada

“Há marcas e rostos de Deus, na sensibilidade e na presença amorosa e silenciosa das missionárias/os na solidariedade com os pobres, prediletos de Deus” (nº 197 Doc. de
trabalho CAM3).

Com a resposta generosa de Institutos Religiosos, a CRB Nacional no triênio passado, constituiu algumas comunidades Intercongregacionais, na Amazônia, como também favoreceu a inserção de algumas Congregações e vem também contribuindo e apoiando a integração de Irmãs na Equipe Itinerante Interinstitucional.

O PLANO DE EVANGELIZAÇÃO SOLIDÁRIA NA AMAZONIA tem priorizado de acordo com seu objetivo na pg 29 do Plano Global visitas e acompanhamento das comunidades assistidas pela CRB Nacional, avaliando as experiências vividas até então. Sempre numa perspectiva de futuras projeções, buscando perceber os clamores e necessidades da Amazônia, em constante atitude de discernimento – CRB, Congregações e Comunidades envolvidas.
Com a iniciativa, ajuda e experiência da Equipe Itinerante de Manaus temos dado alguns passos na linha da reflexão e aprofundamento na busca de compreender esse novo modo de olhar e responder à realidade e as exigências da missão de um jeito mais plural, integral e diverso.

A Intercongregacionalidade, Institucionalidade é um sinal novo dos tempos e está em fase de construção. Exige de nós que acreditamos nesses “ventos novos” uma grande abertura para o aprendizado. Ainda não há uma “cultura interinstitucional” na prática missionária.
Historicamente, cada instituição pensa, organiza e realiza a “sua missão” .

É importante ressaltar que a Intercongregacionalidade não deve ser apenas uma resposta à falta de recursos humanos e /ou econômicos. Queremos dar nossa contribuição profética, intuitiva discernindo corajosamente e buscando novos caminhos para continuar servindo aos mais pobres e excluídos, onde as feridas da história e da humanidade estão mais abertas.

Avançando com coragem e teimosia evangélica, assumindo nossa fragilidade e pequenez.

A experiência é complexa e tem nos mostrado que estamos diante de um caminho em construção de unidade na diversidade de pessoas e carismas, portanto é um desafio que exige de nós:

Responsabilidade e perfil pessoal;
Co-responsabilidade e consciência grupal;
Co- responsabilidade e ajuda mútua interisntitucional

PROJETOS ACOMPANHADOS PELA CRB NACIONAL

COMUNIDADES INTERCONGREGACIONAIS:

Diocese de Humaitá/AM

Comunidade de Auxiliadora do Uruapiara, município de Humaitá/AM

– Ir. Gema Panazzolo – Irmãs de São José de Chambery
– Ir. Claudete Funes – Irmãs Franciscanas de Nossa Senhora de Fátima

Trata-se do Projeto 5 do Plano da Amazônia.

As Irmãs estão lá desde fevereiro de 2006, atendem as comunidades riberinhas, ajudando em suas organizações, formação de liderança, organização da catequese, juventude e nas questões sociais que envolvem as comunidades.

Comunidade de Manicoré, município de Manicoré/AM

– Ir Idalina Barion – Congregação das Irmãs Carmelitas de Vedruna
– Ir. Divina Vieira – Congregação das Irmãs de Santa Doroteia
– Ir. Maria Satiko Kanashiro – Irmãs Franciscanas da Divina Providência.

Trata-se de uma ampliação do Projeto 6 no qual a Pastoral da Criança é o pólo agregador das demais Pastorais.

Aqui também as Irmãs estão desde fevereiro de 2006. Atendem as comunidades ribeirinhas, a formação de liderança, saúde alternativa e demais pastorais sociais.

PARCERIAS: CONGREGAÇÕES – CRB NACIONAL REGIONAIS

Arquidiocese de Manaus/AM

– Comunidade Sacramentina (Julio Mariana) – Tarumã/ Manaus
– Congregação Nossa Senhora do Santíssimo. Sacramento
– Comunidade Cordimariana – Tarumã/ Manaus
– Congregação Filhas do Coração Imaculado de Maria
– Comunidade Intercongregacional de Roraima – RR- Regionais/ nordeste
– Congregação Servas da Sagrada Família
– Instituto Josefino
– Congregação Filhas de Santa Tereza
– Congregação Filhas do Coração Imaculado de Maria
– Equipe Itinerante Interinstitucional – Núcleo de Manaus/AM
– Congregação das Irmãs Servas da Santíssima Trindade
– Congregação das Irmãs Mínimas da Paixão
– Diocese de Roraima /RR
– Equipe Itinerante Interinstitucional – Núcleo de Roraima – RR
– Congregação das Irmãs Catequistas Franciscanas – Prelazia de Borba-AM
– Congregação das Mis. de S. Antonio Maria Claret – (Missionárias Claretianas)

Após três anos de presença e serviço na Diocese de Humaitá – AM nos Municípios de Manicoré e Auxiliadora, as Irmãs juntamente com as provinciais, o Bispo da Diocese de Humaitá e CRB Nacional nos reuniremos nos dias 02 a 04 de setembro para avaliação desses três anos de missão.

No compasso das remadas a CRB prossegue na Amazônia

Posts relacionados

Conclusão do CERNE 122

Com Celebração Eucarística presidida por Frei João José dos Santos, membro da Regional de Curitiba da CRB, foi concluída a edição 122 do CERNE –

Leia mais »

CERNE 122 – Quarta semana

Em um clima de convivência, oração, partilha e estudo, seguem, em Curitiba, no Provincialado das Irmãs da Divina Providência, as atividades da quarta semana do

Leia mais »

Começou o CERNE 122

No dia 11 de setembro, na Casa de Retiros das Irmãs da Divina Providência, em Curitiba, iniciou a edição 122 do Centro de Renovação Espiritual

Leia mais »