Religiosas e autoridades policiais de 24 países e vítimas do Tráfico se reúnem no Vaticano com Papa Francisco e buscam fortificar rede em combate ao crime. 

Pro Rosinha Martins| 10.04.14| A problemática do Tráfico de Seres Humanos levou o Papa Francisco a se reunir na manhã desta quinta, 10, na Academia das Ciências, no Vaticano,  com autoridades policiais de 24 países e pessoas vítimas do crime.

O objetivo do diálogo é  criar uma rede que passe por uma cooperação mais estreita entre Igreja e polícia, de forma a facilitar as investigações conjuntas entre policiais e uma ação mais coordenada internacional.

 Na ocasião,  autoridades policiais,   que combatem o fenômeno utilizando os instrumentos e o rigor da lei, reuniram-se com agentes humanitários, aqueles que oferecem acolhimento, calor humano e o resgate das vítimas para refletirem sobre o assunto. “São duas abordagens diferentes mas que podem e devem agir juntas. Dialogar e confrontar-se a partir de dois pontos de vista complementares é muito importante”, relatou o Papa Francisco.

A reunião visou, também,   dar oportunidade às vítimas para que pudessem expor sua história aos representantes da polícia e da Igreja, de forma a unir esforços para que a lei seja aplicada, e ajudar na “construção de uma rede efetiva que entre todos seja capaz de combater o tráfico”.

Organizado pela Conferência Episcopal da Inglaterra e do País de Gales e liderada pelo Arcebispo de Westminster, Cardeal Vincent Nichols, o encontro teve como tema: “Combate ao Tráfico Humano: Igreja e aplicação da lei”.

O Papa Francisco frisou para os  participantes que o tráfico de seres humanos é uma chaga no corpo da humanidade, uma ferida na carne de Cristo, um crime contra a humanidade. “E o fato de nos encontramos para unir esforços significa que desejamos estratégias e competências, sim, mas coadjuvadas pela compaixão evangélica pelos homens e mulheres vítimas deste crime”, afirmou.

O cardeal Vincent Gerard Nichols, arcebispo de Westminster, que preside aos trabalhos da conferência, disse à Rádio Vaticano que a colaboração entre religiosos e a Polícia Metropolitana de Londres no combate ao tráfico humano ganhou muita importância nos últimos anos, esperando que a experiência possa ser colocada em prática noutros países.

No final dos trabalhos foi publicado um compromiso com palavras do Papa Francisco, no qual se pede que “a comunidade internacional adopte uma estratégia ainda mais concertada e efetiva contra o tráfico de pessoas”, para que os seres humanos “deixem de ser usados como meios para um fim” e se respeite “sempre a sua dignidade inviolável”.

Religiosas  diferentes países,  que lutam na prevenção e no enfrentamento do Tráfico,  também participaram do evento e enriqueceram a reflexão ao partilhar a realidade do Tráfico em seus países

{youtube}p1Zuo-_bJHI#t=2348{/youtube}

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?