Nesta segunda-feira, 25,  foi debatido em audiência pública na Comissão de Direitos Humanos o tema “Enfrentamento da violência contra as mulheres”. Foram apresentados dados de pesquisas, notícias da imprensa, mensagens pela internet e redes sociais que comprovam que o fenômeno é complexo e precisa ser combatido.

Participando da bancada estava a Irmã Maria Luiza da Silva, isf , Assessora dos Projetos de Evangelização Missionária e JPIC, representando a CRB Nacional.  Irmã Maria Luiza falou sobre o projeto Rede um grito pela Vida e comentou sobre a crueldade dos agressores e a cultura que desvaloriza, coisifica e degrada as mulheres.

Veja mais sobre a audiência

 

Foto: Geraldo Magela/secretaria agência e jornal do senado

O enfrentamento do feminicídio é o principal objetivo, uma vez que a incidência deu um salto de 75% de aumento nas ocorrências no DF no ano passado. Dados da Secretaria de Saúde mostram que, em 2017 e 2018, houve 7.851 notificações de violência sexual, psicológica, negligência, abandono e tortura. Em 2019 foram apresentado dados em que:

  • 78% das vítimas de estupro têm menos de 18 anos
  • 59% afirmam ter presenciado violência contra a mulher
  • 52,3% dos assassinatos de mulheres foram por arma de fogo

Os 16 dias de ativismo são uma mobilização global da sociedade civil que acontecem anualmente  desde o dia 25 de novembro  , Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres, e se encerra no dia 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. Esta mobilização global é apoiada pela campanha do Secretário-geral da ONU “Una-se pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, com o objetivo de sensibilizar e compartilhar conhecimento e inovação para prevenir e eliminar a violência contra mulheres e meninas em todo o mundo.

A Pastoral da Juventude da CNBB, com a Campanha nacional de enfrentamento aos ciclos de violência contra a mulher, lançou a cartilha Maria vai com as outras – 16 dias de ativismo pela vida das companheiras. Este material foi produzido pelo GT Nacional da Campanha, contando a história de várias Marias que sofreram violências e ajudando a educar, fazer refletir e levar à ação de Homens e Mulheres.

No encerramento dos 16 dias, a proposta é que se realizem várias audiências públicas  pelo Brasil, para que possa levar a Campanha e ações a favor da vida das mulheres para serem debatidas e construídas também nos municípios.

 

PROGRAMAÇÃO 2019 – ONU MULHERES BRASIL nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres

20 de novembro

Seminário “Violência Política Contra a Mulher” (RMAAM)

Mulher na política: desafios e superação, para falar da participação da mulher na política sob a ótica da ONU Mulheres

Horário: das 14h às 18h

Local: Brasília/DF

21 de novembro

Conferência Federação Internacional de Mulheres na Carreira Jurídica: A construção da Igualdade de Gênero e dos direitos das mulheres e meninas no mundo

As Normas Internacionais dos Direitos das Mulheres – 25 anos da Plataforma Ação Pequim

Horário: das 9h às 20h30

Local: Brasília/DF

25 de novembro

Mulheres Negras: ampliando espaços de poder e representatividade – Comissão Nacional da Mulher OAB

Tema do painel: Mulher Negra na Universidade e no Mercado de Trabalho

Horário: 9h

Local: Brasília/DF

25 de novembro

O trabalho como instrumento de proteção à violência contra mulheres”.

Horário: das 16h às 17h30

Local: Brasília/DF

25 de novembro

“Valores que transformam: a importância das habilidades socioambientais na educação”

Horário: das 8h às 15h30

Local: Rio de Janeiro/RJ

26 de novembro

Seminário: Convenção nº 169 da OIT: Práticas Culturais e Garantias de Direitos Fundamentais (RAADH)

Horário: das 14h às 18h

Local: Brasília/DF

27 de novembro

XXIV Congresso da Federação Iberoamericana de Ombudsman: “Violência de Gênero e Igualdade” (PFDC/MPF)

Horário: das 8h30 às 18h

Local: Brasília/DF

28 de novembro

Encontro do Mercosul e CPLP (Comunidade dos Países de Língua Portuguesa): Políticas Públicas para a Promoção e Proteção das Pessoas com Deficiência (RAADH)

Horário: das 9h às 13h30

Local: Brasília/DF

28 de novembro

Seminário: LGBTs nas prisões do Brasil: Diagnósticos dos procedimentos institucionais e experiências de encarceramento (RAADH)

Horário: das 9h às 12h

Local: Brasília/DF

3 de dezembro

III Seminário Brasil-União Europeia no Enfrentamento da Violência Doméstica contra a Mulher

Horário: das 9h às 10h

Local: Brasília/DF

9 de dezembro

Sessão de debate temático em celebração ao “Dia Internacional de Direitos Humanos e a População Negra”

Horário: 15h

Local: Brasília/DF

9 de dezembro

Solenidade de abertura do Seminário 25 anos da Convenção de Belém do Pará

Horário: das 19h às 21h30

Local: Brasília/DF

10 de dezembro

Seminário 25 anos da Convenção de Belém do Pará

Horário: das 10h às 17h30

Local: Brasília/DF

 

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?