Por André Luís Brás Lima| 23.01.15|   O Centro Franciscano de Animação Missionária (CEFRAM), em Bacabal (MA) acolhe, nos dias 16 a 30 de janeiro, a 23ª edição do Curso de Formação Missionária. A iniciativa conta com a participação de 55 lideranças das dioceses do Regional Nordeste V da CNBB (Maranhão) e é promovido pelo Conselho Missionário Regional (Comire), em parceria com o CEFRAM e o apoio das Pontifícias Obras Missionárias (POM).

O tema central do curso é “Comunicação e Missão” e conta com a assessoria do padre Jaime Carlos Patias, IMC, secretário nacional da Pontifícia União Missionária. Em sua explanação o assessor apresentou uma ampla visão da comunicação na sociedade e na Igreja e destacou sua importância na missão. “Quando falamos de comunicação na Igreja não devemos pensar apenas nos meios técnicos. Entendemos de maneira especial o processo de comunicação nos espaços de reflexão, nas pastorais, grupos e movimentos”, explicou padre Patias. “O foco então, passa a ser a pessoa do discípulo missionário que é por sua natureza comunicacional, sal da terra e luz do mundo, com seu testemunho pessoal e através dos meios técnicos. Por isso a Igreja deve sair da acomodação para ir às periferias anunciar Cristo, a Boa Notícia da vida de Deus que transforma o mundo. Ele é simultaneamente, conteúdo e fonte do que a Igreja comunica em diversos contextos de missão”, complementou.

Segundo Joab Soares, liderança da diocese de Zé Doca (MA), “o desenvolvimento do estudo ajudou a entender ainda mais que a comunicação é essencial para Igreja hoje, sobretudo, na realidade do Maranhão onde ela tem se esforçado para responder aos apelos da nova evangelização”.

Para o seminarista Josivan Batista, da diocese de Bacabal, “em um mundo permeado pelas novas tecnologias e, ao mesmo tempo, indiferente à religião, precisamos de uma boa comunicação, isto é, usar de todos os meios possíveis para transmitir a alegria do Evangelho, conforme nos pede o papa Francisco”.

Além de analisar a concentração e manipulação dos meios de comunicação, o estudo sublinhou, sobretudo, a importância da comunicação e as suas novas ferramentas na ação evangelizadora da Igreja no mundo atual, assim como, a organização da Dimensão Missionária da Igreja no Brasil. A programação incluiu ainda, cinco oficinas: comunicação e Animação Missionária, Redes Digitais como ambiente, comunicação alternativa, a Pastoral da Comunicação (Pascom) e como utilizar os meios de comunicação.

O diretor do CEFRAM, Frei Claudio Santos, OFM, destaca a importância do Centro para a formação. “É com grande alegria que, desde 2006, esta casa acolhe o Curso de Formação Missionária do Regional. Sabe-se que a escolha foi devido à sua estrutura física adequada às atividades de formação, uma vez que se situa em local central e tem contribuído bastante para a formação de muitos leigos e leigas, religiosos e religiosas da Igreja do Brasil”.

O bispo de Bacabal e responsável pela Dimensão Missionária no Maranhão, dom Armando Gutiérrez, marcou presença e falou sobre o Projeto que o Regional Nordeste V mantém há 16 anos em Moçambique, África. “Por vocação somos chamados a partilhar da nossa pobreza cooperando com a missão além-fronteiras”, sublinhou o bispo e explicou que o Projeto se destaca pela participação das leigas missionárias. Na ocasião, Graça Rosa, coordenadora do Comire partilhou sua vivência de dois anos em Moçambique e Fagno Silva, falou da sua participação na Missão Jovem realizada recentemente na Amazônia.

A programação segue neste final de semana com apresentação da Dimensão Missionária da Igreja no Brasil seguida de uma Jornada Missionária que acontece neste domingo, 25, na comunidade Rainha da Paz, área de ocupação na periferia de Bacabal. Os cursistas realizam ainda um retiro antes da conclusão marcada para o final da próxima semana, dia 30.

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?