Por Rosinha Martins|17.02.14| A CRB Nacional – Conferência dos Religiosos do Brasil agradece aos leigos, aos religiosos, religiosas, aos parceiros na missão e a todos e todas, sem exceção, pelas centenas de mensagens de felicitação enviadas para a Conferência via e-mail ou redes sociais.

No último dia 11, a Conferência dos Religiosos do Brasil completou 60 anos de fundação e celebra, por meio de várias atividades como  celebrações, semanas missionárias, novenas, encontros formativos, entrevistas e publicações, o ano Jubilar que se encerrará em dezembro de 2014.

A CRB Nacional convida a todos e todas, leigos, jovens, crianças, adultos, homens e mulheres, religiosos, religiosas, o clero diocesano, a Igreja em geral, todas as culturas, a participar, a se alegrar e comemorar conosco a celebração de 60 anos de história na luta pela construção do Reino de Deus, na expectativa de que a justiça, a mesa farta, a fraternidade e a igualdade sejam implantadas nessa terra e todos e todas possam gozar do direito à dignidade.

Sincera gratidão pelas felicitações e unidade,  e continuemos unidos e unidas nessa tarefa que Deus nos confia.

Retomando a história, conhecendo as raízes

De acordo com Irmã Maria Carmelita de Freitas, fj, as Conferências Nacionais de Religiosos surgiram a partir do Congresso Internacional de Religiosos realizado pela Congregação para os Institutos de Vida Consagrada, no pontificado de Pio XII.  Esse Congresso que era uma das atividades do Ano Santo, teve como objetivo principal o aggiornamento da Vida Religiosa.

Semente do Congresso Internacional, acontece de 7 a 13 de fevereiro de 1954, na Capela SantaCruz dos Militares (foto à esquerda), no Rio de Janeiro,  o Congresso Nacional de Religiosos do Brasil, com a participação de um pouco mais de 1000 religiosos e religiosas procedentes dos diversos estados do país e tinha como objetivo a atualização da Vida Religiosa e a organização do seu apostolado.  Ali, no dia 11 de fevereiro, portanto, durante o Congresso, nasceu a Conferência dos Religiosos do Brasil.

“O acontecimento tem, para os religiosos do Brasil, o mesmo alcance que teve para a hierarquia da Igreja a fundação da CNBB. Os dois secretariados deverão, aliás, atuar sempre dentro da mais completa sintonização”, disse D. Elder Câmara, em Comunicado Mensal da CNBB, na época.

As figuras chaves  neste momento  foram o Cardeal Arcebispo do Rio de Janeiro, d. Jaime de Barros Câmara e o salesiano, padre Irineu Leopoldino de Souza. A CRB teve como primeiro presidente o beneditino e abade do Mosteiro São Bento, do Rio de Janeiro, d. Martinho Michler (foto).

Veja mensagens

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?