A CRB Nacional – Conferência dos Religiosos do Brasil convida toda a Vida Religiosa Consagrada a abraçar o ideal do Papa Francisco de tornar o dia 01 de setembro um dia especial para que o mundo se una em oração pelo cuidado da Criação, a casa comum de todos.

A Conferência elaborou um subsídio orante, que segue, para que os Religiosos e Religiosas possam dedicar um momento de oração neste dia 01 de setembro em unidade com toda a Igreja que deseja que esta Casa Comum seja preservada de todos os males para a felicidade e harmonia de todos.

FELIZ DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELO CUIDADO DA CRIAÇÃO!

MOMENTO ORANTE PELO CUIDADO DA CRIAÇÃ

   DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELO

       CUIDADO DA CRIAÇÃO

            1º de Setembro de 2015.

I – REZEMOS COM O CORAÇÃO AGRADECIDO

ANIMADOR/A 1- Irmãs e Irmãos! Iniciemos este momento orante com o coração agradecido a DEUS, PAI e MÃE, criador da vida, da natureza e FONTE de vida. Ele nos chama, nos convida à vida em plenitude e nos dá condições para conquistá-la, conservá-la, aprimorando-a sempre mais. Invoquemos a Deus Trindade, cantando:

T.: Canto: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo! Amém (2x).

A2-  Senhor, Deus da Vida e do Amor, nos Te louvamos e Te agradecemos pelas dádivas da criação:

T.: “Tudo o que existe e respira Te louva, Senhor!”

Leitor/a 1-  Senhor, Deus da Comunhão! Contemplamos Tua face na beleza, na harmonia e na sintonia dos seres criados. Numa só voz, Te louvamos, rezando:

T.: “Tudo o que existe e respira Te louva, Senhor!”

L2-  Senhor, Deus Uno e Trino, que inspiras o cuidado e a manutenção dos seres criados, elevamos a Ti nosso hino de louvor pela instituição do “Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação”. Agradecidos, rezamos:

T.:  “Tudo o que existe e respira Te louva, Senhor!”

L1- Senhor, Deus da Sabedoria e do Entendimento, em comunhão com todas as pessoas, comunidades e instituições que se comprometem com o cuidado da criação, fortalecidos e confiantes, rezamos:

T.: “Tudo o que existe e respira Te louva, Senhor!”

A1-  Felizes e agradecidos, cantemos (Salmo 135 – “ Em coro a Deus louvemos” – (Frei Luiz Carlos Susin).

T.: CantoEm coro a Deus louvemos:– eterno é seu amor! Pois Deus é admirável: – eterno é seu amor!

Por nós fez maravilhas, louvemos o Senhor!

– Criou o céu e a terra:– eterno é seu amor! Criou o sol e a lua: eterno é seu amor!

– Distribui a vida: – eterno é seu amor! – na planta, peixe e ave: eterno é seu amor!

– Na história que fazemos – eterno é seu amor! – Deus vai à nossa frente: eterno é seu amor!

A2-  Oremos:

T.: Ó Pai e Mãe de bondade e ternura, suplicamos que a Tua Palavra ilumine nossas mentes e corações para que vigilantes cuidemos dos tesouros recebidos na criação. E fortalecidos pela tua graça, denunciemos todo mal contra a vida e o meio ambiente. Nós te pedimos na unidade do Filho e do Espírito Santo. Amém!

 

II – REZEMOS COM O CORAÇÃO PENITENTE

Canto: Pela Palavra de Deus – Frei Luiz Turra- (acolhida da Palavra e símbolos – terra, água, sementes, frutas e Flores).

T.: Pela Palavra de Deus, saberemos por onde andar. Ela é Luz e verdade, precisamos acreditar!

L3-  Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Tessalonicenses (1Ts 5,1-6.9-11-  (momentos de silêncio)

A1-  Irmãs e Irmãos, deixemo-nos tocar e transformar pela Palavra de Deus: Expressemos nossos pedidos de perdão por tantas situações pecaminosas (nível pessoal, comunitário, eclesial, social e planetário) que ferem Teu plano de Vida em abundância para todos.

L1-  Senhor, perdão e misericórdia, porque nem sempre temos uma postura profética diante do sistema que visa o lucro exacerbado e, com isto, destrói a natureza. Pedimos…

T.: Perdão e Misericórdia, Senhor!

L2– Senhor, perdão e misericórdia, pelo comodismo, passividade e pouco compromisso que, por vezes, traduzem a nossa vivência cristã. Pedimos…

T.: Perdão e Misericórdia, Senhor!

L3-  A Encíclica Laudato Si’, nos mostra que há uma relação entre a  miséria presente no mundo com a destruição do meio ambiente, a Casa comum. Senhor, tem piedade de nós, pelas vezes que não soubemos cuidar de toda a nossa Casa Comum e não denunciamos as agressões e destruição praticadas contra a vida e o meio ambiente.

T.: Perdão e Misericórdia, Senhor!

(Preces espontâneas).

A2-  Lembremos as pessoas mártires, defensoras da vida, da ecologia: Dom Oscar Romero, Ir. Doroty, (outros nomes).  Confiantes em Tua bondade, ternura e misericórdia, Senhor, ousamos elevar a Ti a oração ensinada por Teu Filho Jesus. E o fazemos envolvendo os braços em nossos irmãos e irmãs que rezam conosco (rezada ou cantada).

T.: Pai Nosso…

III – REZEMOS COM O CORAÇÃO COMPROMETIDO

A1-  A Encíclica Laudato Si’ do Papa Francisco convida-nos a exaltar a generosidade e gratuidade do Deus Criador!

L2- “Louvado sejas, meu Senhor, pela nossa irmã, a mãe Terra, que nos sustenta, governa e produz variados frutos com flores coloridas e verduras!” (silêncio).

L1-  “O nosso corpo é constituído pelos elementos do Planeta; o seu ar permite-nos respirar, e a água vivifica-nos e restaura-nos” (silêncio).

T.: “… entre os pobres mais abandonados e maltratados, conta-se a nossa Terra oprimida e devastada, que está ‘gemendo como que em dores de parto’ “(Rm 8, 22) – (silêncio).

A2-Imploremos as luzes do alto, para iluminar nossas mentes, encorajar-nos e fortalecer-nos na vivência de atitudes proféticas, na defesa e cuidado da criação (cada pessoa acende uma vela, enquanto se canta):

Canto: Ó luz do Senhor (comunidade G. Champus).

T.: Ó Luz do Senhor, que vens sobre a terra, inunda meu ser, permanece em nós!

A1-  Podemos, de forma livre e espontânea, verbalizar o compromisso que o Espírito Santo, a divina Ruah, soprar em seu interior. Enquanto isso plantamos uma semente na terra boa, na certeza que vai ser germinada, brotará e dará frutos abundantes (música suave).

 Canto:Põe a semente na terra não será em vão, não te preocupes a colheita, plantas para o irmão (bis).

A2- Rezemos em dois coros alternados a oração instituída pelo Papa Francisco.

Oração Cristã com a Criação

L1-  Nós Te louvamos, Pai,/ com todas as tuas criaturas,/ que saíram da tua mão poderosa./ São tuas e estão repletas da tua presença e da tua ternura.

L2-  Louvado sejas Filho de Deus, Jesus,/ por Vós foram criadas todas as coisas.

Foste formado no seio materno de Maria,/ fizeste parte desta terra,/ e contemplaste este mundo com olhos humanos.

L1-  Hoje estas vivo em cada criatura/ com a glória de ressuscitado.

Louvado sejas!

L2-  Espírito Santo, que, com a Tua  luz,/ guias este mundo para o amor do Pai

e acompanhas o gemido da criação, /  Vives também nos nossos corações

a fim de nos impelir para o bem. Louvado sejas!

L1-  Senhor Deus, Uno e Trino,/ comunidade estupenda de amor infinito,/ ensina-nos a contemplar-Te na beleza do universo,/ onde tudo nos fala de Ti. Louvado sejas!

L2-  Desperta o nosso louvor e a nossa gratidão / por cada ser que criaste.

Dai-nos a graça de nos sentirmos / intimamente unidos a tudo o que existe. Louvado sejas!

L1- Deus de amor,/ mostra-nos o nosso lugar neste mundo/ como instrumentos do Teu carinho por todos os seres desta terra, / porque nem um deles sequer é esquecido por Ti. Louvado sejas!

L2.: Ilumina os donos do poder e do dinheiro / para que não caiam no pecado da indiferença,/ amem o bem comum, promovam os fracos,/ e cuidem deste mundo que habitamos. Louvado sejas!

L1-  Os pobres e a Terra estão bradando:

T.: Senhor toma-nos sob o Teu poder e a Tua luz,/ para proteger cada vida,/ para preparar um futuro melhor,/ para que venha o Teu Reino de justiça, paz, amor e beleza. Louvado sejas! Amém.

A1-  Bênção: (por duplas – frente a frente – estender  os braços e colocar as mãos nos ombros um/a do outro/a, enquanto a pessoa que anima reza ou canta):

– “O Senhor te abençoe e te guarde!

–  O Senhor faça resplandecer sobre ti seu olhar e te conceda sua graça!

–  O Senhor volte para ti o seu olhar e te dê a Paz!” ( Nm 6, 24).

–  E permaneçamos com o Pai, o Filho e o Espírito Santo. T.: Amém!

– Canto Final (ou outro):Em meu caminho percebo as belezas que vêm da terra, do céu e do mar, tudo me fala do Amor do Criador, ó meu irmão; para ver, basta querer.

R.: Que lindo é sentir a Deus em cada rosto do universo, a criação sempre dirá obras de amor, tu verás em mim (2x)

 

(Se houver possibilidade, no final da oração convidar os participantes a um gesto concreto: recolher os materiais que estão ao redor e que prejudicam a mãe Terra, ex.: latas, papéis, plásticos, cacos de tijolos – vidros, telhas, reboco etc. Se não for possível fazer esta ação ao final desta celebração, combinar outro horário para fazê-lo).

 

Confira as duas orações compostas pelo Papa Francisco, pedindo proteção ao planeta, que se encontram em sua recente encíclica Laudato Si, sobre os cuidados com o meio ambiente.

 A encíclica Laudato si, do Papa Francisco, termina com duas orações: uma oferecida para ser compartilhada com todos os que creem em “um Deus criador onipotente”, e a outra proposta aos que professam a fé em Jesus Cristo.

ORAÇÃO PELA NOSSA TERRA

Deus Onipotente, que estais presente em todo o universo e na mais pequenina das vossas criaturas, Vós que envolveis com a vossa ternura tudo o que existe, derramai em nós a força do vosso amor para cuidarmos da vida e da beleza. Inundai-nos de paz, para que vivamos como irmãos e irmãs sem prejudicar ninguém.

Ó Deus dos pobres, ajudai-nos a resgatar os abandonados e esquecidos desta terra que valem tanto aos vossos olhos. Curai a nossa vida, para que protejamos o mundo e não o depredemos, para que semeemos beleza e não poluição nem destruição. Tocai os corações daqueles que buscam apenas benefícios à custa dos pobres e da terra.

Ensinai-nos a descobrir o valor de cada coisa, a contemplar com encanto, a reconhecer que estamos profundamente unidos com todas as criaturas no nosso caminho para a vossa luz infinita. Obrigado porque estais conosco todos os dias. Sustentai-nos, por favor, na nossa luta pela justiça, o amor e a paz.

ORAÇÃO CRISTÃ COM A CRIAÇÃO

Nós Vos louvamos, Pai, com todas as vossas criaturas, que saíram da vossa mão poderosa. São vossas e estão repletas da vossa presença e da vossa ternura. Louvado sejais! Filho de Deus, Jesus, por Vós foram criadas todas as coisas. Fostes formado no seio materno de Maria, fizestes-Vos parte desta terra, e contemplastes este mundo com olhos humanos. Hoje estais vivo em cada criatura com a vossa glória de ressuscitado.

Louvado sejais! Espírito Santo, que, com a vossa luz, guiais este mundo para o amor do Pai e acompanhais o gemido da criação, Vós viveis também nos nossos corações a fim de nos impelir para o bem. Louvado sejais! Senhor Deus, Uno e Trino, comunidade estupenda de amor infinito, ensinai-nos a contemplar-Vos na beleza do universo, onde tudo nos fala de Vós.

Despertai o nosso louvor e a nossa gratidão por cada ser que criastes. Dai-nos a graça de nos sentirmos intimamente unidos a tudo o que existe. Deus de amor, mostrai-nos o nosso lugar neste mundo como instrumentos do vosso carinho por todos os seres desta terra, porque nem um deles sequer é esquecido por Vós.

Iluminai os donos do poder e do dinheiro para que não caiam no pecado da indiferença, amem o bem comum, promovam os fracos, e cuidem deste mundo que habitamos. Os pobres e a terra estão bradando: Senhor, tomai-nos sob o vosso poder e a vossa luz, para proteger cada vida, para preparar um futuro melhor, para que venha o vosso Reino de justiça, paz, amor e beleza. Louvado sejais! Amém.

 

 

 

 

SDS Bloco H - nº 26 - Sala 507 - Edfício Venâncio II

CEP: 70393-000 - Brasília - DF - Brasil (061) 32265540 - Fax: (061) 3225 3409 crb@crbnacional.org.br

2018 - CRB Nacional.org.br

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?